FRANCISCANOS, 2003

Entrega. Penitência. Pobreza.
Castidade. Enclausuramento.

A vida espiritual no cárcere do corpo
Corpo em sombra de parede
Olhos como janelas. O espreitar proíbido
O mundo. A vida. O rio...
Franciscanos prisioneiros em janelas de mundo.

Fechados nestas paredes
Iguais fantasmas que habitam um edifício de memórias
em metamorfose constante. Não há paz. Não há silêncio...

Projecto integrado no Evento Sentidos Grátis, que decorreu em Setembro / Outubro de 2003, no convento S. Francisco, em Coimbra, no âmbito da Coimbra 2003-Capital Nacional da Cultura.
Oprojecto teve como ponto de partida a antiga utilização do edificio como convento por parte da ordem dos Franciscanos que nele viveram.
A pintura no interior das janelas de personagens (os Franciscanos) que, em poses de claro reverencianismo, estabelecem uma relação com o exterior (quatro deles são pintados em vidro acrílico, podendo ser vistos do exterior).
Esta relação interior / exterior é reforçada pela atitude dos personagens, que nos contemplam passivamente, resignados na sua condição de clausuramento.
Mas se uns personagens nos olham claramente, ignorando o exterior (a janela está tapada), os outros olham o exterior, a cidade que se eleva inalcançável.
Estes personagens apenas olham em silêncio.


FICHA TÉCNICA

Franciscanos, 2003
(Instalação Site-Specific)
8 pinturas s/ vidro acrílico e pladur.
JANELAS DO CONVENTO S. FRANCISCO, COIMBRA
EVENTO 6.0 SENTIDOS GRÁTIS - COIMBRA 2003 CAPITAL DA CULTURA
Setembro - Outubro 2003

 

index expos